terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Estamos cada vez mais loucos?


Capa estúpida da revista “Como funciona” de Novembro. O simbolismo da imagem (um sujeito perturbado e raivoso) mais atrapalha que ajuda na discussão do tema proposto, relacionando, mais uma vez (como no filme Psicose), transtornos mentais e comportamentos agressivos. Além disso, a manchete parece ignorar um paradoxo: estamos ficando cada vez mais loucos ou as categorias diagnósticas tem se ampliado de forma a considerar cada vez mais comportamentos anormais? Além disso, seremos simplesmente vítimas dos transtornos mentais, tal como somos vítimas de um assaltante ou de um vírus que invade nosso corpo?
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

Marília disse...

Concordo com muita coisa que você disse.
Mandei uma mensagem para o facebook da publicação (que obviamente foi apagado). No mais, dizia o seguinte:

"Essa capa nova de vocês é ridícula! Como chamar alguém com transtorno de ansiedade ou com transtorno depressivo como "louco"? Fico chocada não apenas com tamanha falta de respeito como também com tamanha ignorância. Vocês se acham divulgadores de saber, por esse motivo deveriam divulgar que o zeitgeist contemporâneo tem outras definições para esses tipo de transtornos mentais e não aceita tão bem esse termo. Loucura maior é a ignorância, o desrespeito, a falta de amor. Espero que compreendam que o homem está cada vez mais "louco" por esses motivos.

Marília Dalva

Ps. Não li a matéria, pois desde a capa me senti enojada. Deve ser porque, para vocês, sou louca."

sra. maia disse...

muito boa materia na minha opnião! a capa é perfeita. a revista é excelente!

Anônimo disse...

Estamos ficando loucos, sim, basta observar nosso comportamento no trânsito:não é normal.