sexta-feira, 16 de julho de 2010

Psicólogos picaretas

O texto abaixo foi publicado em junho no blog CloacaNews. Infelizmente não posso discordar...

Zero hora usa alguns psicólogos picaretas para linchar dunga

O tablóide gaúcho Zero Hora, braço impresso da corporação mafio-midiática RBS, fez jus, em sua edição de ontem, 23, ao epíteto de jornalixo, carinhosamente cunhado por este blog. Em texto assinado por um certo Itamar Melo, a gazetinha alinhou-se incondicionalmente à sórdida campanha difamatória movida pelas Organizações Globo contra o técnico Dunga, da seleção brasileira de futebol. Sob o título “Psicanalistas analisam destemperos do técnico Dunga”, Zero Hora vale-se dos pareceres de “especialistas” para pespegar no treinador as pechas de “neurótico” e “paranóico”, entre outras patologias. Na verdade, foram ouvidos dois picaretas que, no afã de conseguir seus minutinhos de glória, não hesitaram em mandar às favas o Código de Ética Profissional do Psicólogo. O documento, exarado em 2005, no XIII Plenário do Conselho Federal de Psicologia, em Brasília, diz o seguinte em seu Artigo 2 , alínea “q”: “Ao psicólogo é vedado: realizar diagnósticos, divulgar procedimentos ou apresentar resultados de serviços psicológicos em meios de comunicação, de forma a expor pessoas, grupos ou organizações". Esperar o que de um veículo que costuma basear suas reportagens em fontes cultivadas nos latões de lixo?
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

Priscilla Müller disse...

Excelente texto, Felipe. Parabéns.
Gostaria de publicá-lo em meu blog 'De tudo um pouco'. Também sou psicóloga e sei que a ética está a cada dia sendo desvirtuada por alguns.
Abço.

Mariana Amorim disse...

Legal ver um blog de um psicólogo.

Hugo Dias Perpétuo disse...

Felipe, muito bom seus desenhos.
Tomarei alguns deles para postar no meu blog.
abraço

Anônimo disse...

Concordo com a postura descabida de muitos psicanalistas ( não sei se são psicologos, pois para ser psicanalista não é necessária a graduação em psicologia ) ao emitirem diagnosticos para desqualificarem Dunga.
Não sou fã do Dunga, como técnico, mas o repeito como pessoa humana .Seu desempenho foi razoável para uma primeira experiencia como técnico. Lamento que na ocasião a seleção se tornou campo de estagio para o Dunga, mas a culpa é unicamente do Ricardo Teixeira. Apreciei muito a conduta de Dunga ao barrar na concentração do Brasil a intromissão de Fátima Bernardes, que desejava uma materia com exclusividade.