terça-feira, 12 de maio de 2009

Filhos experimentais

A reportagem abaixo, traduzida pelo portal TV IG a partir de video do jornal americano The New York Times, trata de um dilema ético: é correto utilizar os próprios filhos como sujeitos experimentais de pesquisas científicas? A personagem principal desta reportagem é a psicóloga do desenvolvimento Deborah Linebarger, que estuda o papel dos meios de comunicação no aprendizado, utilizando-se para isso de seus próprios filhos como sujeitos. A iniciativa gerou polêmica. De acordo com o texto que acompanha o video "A psicóloga faz parte da nova geração de cientistas que fazem pesquisas com os próprios filhos, porque eles são confiáveis e o acesso à eles permite mais profundidade nos estudos.  Os especialistas em ética dizem que alguns desses projetos são aceitáveis e até válidos, mas levantam questões a respeito do impacto sobre a criança, sobre seu relacionamento com o pai ou com a mãe cientista e sobre a objetividade dos dados". Uma reportagem completa do The New York Times sobre o tema (traduzida pelo portal Terra) pode ser lida aqui.








Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário: