quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Diário de um psicólogo de primeira viagem - p.2

Dia 27 de Agosto - Hoje é Dia do Picólogo e cá estou, em Viçosa, buscando me tornar um. Bem, hoje acordei às 6:00 e fui à Divisão de Saúde para realizar a coleta de sangue e entregar os demais "materiais" para análise clínica. A seguir, às 9:00, fiz o exame psicológico. A psicóloga - simpatissíssima - aplicou em mim o teste PMK (vulgo Psicotécnico - ver fotos abaixo). Sempre que o faço acho que fui mal, mas quando vejo os resultados no final, percebo que nem fui tão mal assim.

Para saber mais sobre o teste PMK clique aqui.

Conversando com a psicóloga após a aplicação do teste (que passei!), descobri que vou trabalhar no Serviço Psicossocial, órgão vinculado à Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários. Empolgadíssima de me conhecer (pois todos sabiam que um tal de Felipe seria o novo psicólogo, mas ninguém sabia realmente como ele seria), ela ligou para a psicóloga-chefe do "Psicossocial" e disse, a meu pedido, que eu daria uma passadinha por lá. E lá fui eu...

Uma coisa eu tenho certeza: todos imaginavam alguém mais velho. Daí a surpresa (com uma pitada de decepção) que senti no ar quando cheguei ao local e encontrei meus novos - e primeiros - companheiros de trabalho. Fiquei bastante inseguro com este pré-julgamento - que pode estar somente na minha cabeça, admito. Realmente não tenho experiência profissional, mas as pessoas tem que começar em algum momento. E esta é a minha hora!!! Vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance. Quero aproveitar cada momento a sorte que tive de passar em um bom concurso - ainda por cima federal - com menos de 1 ano de formado. Não vou desperdiçar esta oportunidade. Mas confesso: estou assustado com as mudanças que virão. Minha vida já está muito diferente do que vinha sendo, agora imaginem o que virá!

Gostei muito dos meus futuros colegas: eles passaram uma seriedade e um compromisso que acredito serem essenciais para um trabalho efetivo. Conversamos por cerca de uma hora sobre o trabalho que vêm fazendo e senti que estão motivados e abertos a novas idéias. Nossa quipe, dentro de pouco tempo, será composta por 4 psicólogos, uma assistente social e um psiquiatra. E o trabalho, pelo que captei nesta conversa inicial, consistirá predominantemente de atividades em grupo voltadas para servidores e estudantes da universidade. O carro-chefe do "Psicossocial" tem sido o PREA - Programa de Reintegração e Educação do Alcoolista, mas outras atividades também são desenvolvidas: reorientação profissional, terapia de grupo, etc. De acordo com o site da Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários, o Serviço Psicossocial "conta com a atuação de profissionais das áreas de Serviço Social e Psicologica Social, tem por finalidade orientar alunos, servidores e seus dependentes nas áreas preventivas de: saúde, social e psicológica, promover a reintegração do servidor nas suas atividades profissionais, elaborar análises sócio-econômicas de servidores e assessorar aos órgãos da Universidade Federal de Viçosa em assuntos de sua competência". Legal, né? Saberei mais na semana que vem. E para amanhã está marcado o exame médico final que avaliará se estou apto ou não para assumir o cargo. Torçam por mim!!!
OBS: realmente vou trabalhar aqui:

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário: